Carregando... Carregando...
 
Busca Simples

E-Social em debate na Fundacentro de Pernambuco

E-Social em debate na Fundacentro de Pernambuco

Seminário debaterá informações importantes que deverão ser cadastradas a partir de janeiro de 2019

Por ACS/ Alexandra Rinaldi em 20/07/2018

O E-Social, sistema único implementado pelo governo, tem como finalidade coletar dados trabalhistas, previdenciários e tributários e se tornar uma ferramenta de controle no cumprimento dessas obrigações, tanto pelos empregadores quanto pelos trabalhadores, somando algo em torno de 18 milhões de empregadores e 44 milhões de trabalhadores.

O Decreto nº 8.373/2014, que instituiu o “Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas” (eSocial), obrigatório no país desde janeiro de 2018 é dividido em 5 etapas, sendo que até janeiro de 2019, empresas e órgãos públicos deverão completar os dados sobre segurança e saúde do trabalhador.

Para falar sobre a transição atual para a implementação do eSocial e orientar os cidadãos especialmente no que se refere à segurança e medicina ocupacional, os especialistas da Fundacentro de Pernambuco, José Helio Lopes e Luiz Antonio de Melo, junto com Audenor Marinho, Conselheiro da Câmara de Engenharia farão um debate sobre o tema.

O Seminário “O eSocial e os desafios para a segurança e saúde do trabalho”, segundo promovido pela Fundacentro de Pernambuco, irá abordar temas voltados à contextualização do eSocial, impactos do eSocial na gestão de SST, registros de SST para o eSocial, insalubridade, periculosidade e aposentadoria especial, entre outros.

De acordo com o Educador da Fundacentro de Pernambuco e mediador do evento, José Helio Lopes, a nova plataforma do Governo Federal vai impactar a cultura empresarial, necessitando, portanto que as informações sejam prestadas de maneira coerente com a realidade das organizações.

“O e-Social será abastecido eletronicamente, quase em tempo real, sobre quase tudo o que acontece no ambiente e na relação de trabalho, fazendo ligação entre um evento e outro para detectar irregularidades: se, por exemplo, a empresa tentar abrir uma CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho) sem antes ter registrado o trabalhador, o sistema rejeitará o envio. Da mesma forma, se a empresa for lançar a contratação de um empregado que antes não tenha feito o exame médico, o sistema também não aceitará o envio”, destaca Lopes.

O Seminário acontece no dia 9 de agosto de 2018, das 14h às 17h, no auditório da Fundacentro em Pernambuco, situado à rua Djalma Farias, 126, Torreão, Recife-PE.

Para participar, a coordenação do evento solicita a entrega de 2 quilos de alimentos.

Informações e inscrições poderão ser obtidas pelo telefone (81) 3427-4775, ou pelo e-mail: eventos.crpe@fundacentro.gov.br

Compartilhar:

Recomendar Notícia

Recomendar Notícia

É obrigatório o preenchimento dos campos com *

Dados remetente

Dados destinatario

Máximo de 1500 caracteres. Quantidade de caracteres digitados:

Confirmação dos dados - Recomendar essa Notícia

Dados confirmação
Recomendar para outro destinatário

FUNDACENTRO - Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho.
Sede: Rua Capote Valente, Nº 710 - CEP: 05409-002 - SÃO PAULO-SP - BRASIL - CAIXA POSTAL: 11.484 / CEP: 05422-970
Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial sem a permissão da Instituição.