Carregando... Carregando...
 
Busca Simples

Distúrbios Músculo-Esqueléticos e Trabalho Industrial

Download

Arquivo: PDF

info
Disturbio_musculo_esqueletico.pdf

Tamanho: 1,83 KB

Teses

Autor:

Unidade:

Assunto:

Doenças Músculo-Esqueléticas; Indústrias

Área de Concentração:

Ano:

Resumo:

Este estudo caracterizou a indústria plástica na Região Metropolitana de Salvador a fim de descrever possíveis determinantes para os distúrbios músculo-esqueléticos (DME). Realizaram-se visitas técnicas nas áreas de produção e manutenção de 14 empresas, observando-se a organização da produção, trabalhadores e maquinário. Entrevistaram-se diretores, proprietários e encarregados das empresas, diretores dos sindicatos laboral e de empregadores e assessor em economia. Coletaram-se dados sobre política de desenvolvimento de cada empresa; mercado; procedimentos operacionais, exigências de produção e de qualidade e as regras formais da organização do trabalho. Viu-se que mudanças na gestão dos negócios impõem novas formas de gestão da produção e de pessoal, com novas exigências aos trabalhadores no desenvolvimento das tarefas. Implementam-se técnicas de gestão com forte exigência de redução do tempo da produção. Ocorrem aumento do ritmo do trabalho, redução de pausas, em uma situação de alta demanda cognitiva que impõe posturas anômalas para execução das tarefas com movimentos repetitivos. A presença de demandas físicas e demandas psicossociais (trabalho repetitivo; baixo controle dos trabalhadores sobre suas tarefas; pressão temporal; insatisfação no trabalho) compõe um universo de condições necessárias para instalação dos DME.

FUNDACENTRO - Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho.
Sede: Rua Capote Valente, Nº 710 - CEP: 05409-002 - SÃO PAULO-SP - BRASIL - CAIXA POSTAL: 11.484 / CEP: 05422-970
Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial sem a permissão da Instituição.